Porque Psicoterapia…

  Benefícios da  psicoterapia. 

… Psicoterapia é um valioso recurso para lidar com as dificuldades da existência humana, em todas as formas que o sofrimento pode assumir como transtornos, distúrbios psicossomáticos, crises existenciais , estados depressivos, conflitos interpessoais. Na terapia o paciente  conta com um espaço favorável ao crescimento e amadurecimento, um modo privilegiado de criar intimidade consigo mesmo, de estabelecer diálogos construtivos e transformar padrões estereotipados de funcionamento, restabelecendo o processo formativo e criativo de cada um, minimizando a ansiedade.

Basicamente a psicoterapia é um processo de auto-conhecimento. Desta forma, note que muitas vezes um processo de análise não visa o desaparecimento dos sintomas, mas pelo contrário, o seu aparecimento. Pois assim o indivíduo aprende a lidar com os seus motivos e conflitos internos, e é por essa razão que um processo analítico é muitas vezes doloroso e gera sentimentos fortes para com o analista (raiva, paixão, amor, etc.). É por esse motivo que muitos a concebem como ineficaz.

Já sabemos que não é o que acontece conosco que é o problema, mas a forma como interpretamos o que nos acontece é que vai influenciar nossas emoções e, por fim, se tornar ou não o problema. Em resumo, muitas vezes precisamos chegar a uma crença conflitante com antigas formas de pensar para que algo mude no nosso modo de enxergar o que nos acontece.

O termo psicoterapia  refere-se a um processo dialético, efetuado entre o profissional psicoterapeuta (psicólogo ou médico) e o paciente. Por ser definitavamente da área da Saúde Mental, a psicoterapia é a principal linha de tratamento para qualquer assunto referente à mente, para isso faz uso de métodos, técnicas e intervenções psicológicas cujo objetivos centrais são:

  • Restabelecer a qualidade de vida do paciente;
  • Equacionar os motivos da consulta (que variam desde pequenas dificuldades do dia-a-dia até mesmo grandes psicopatologias);

Desenvolver os padrões de funcionamento mental do indivíduo e de seus sistemas psíquicos (saúde orgânica, saúde mental, familiar, social, sexual, intelectual, financeiro, profissional, lazer e espiritual ambiente clínico através de consultas de 50 min. (normalmente 1 x por semana. Em linguagem técnica o termo “psicologia” refere-se à ciência e “psicoterapia” ao uso clínico do conhecimento obtido por ela. As pessoas podem estar “emperradas” por ver as situações sempre da mesma forma distorcida. O que fazer então?

Em algumas abordagens há também  a terapia onde o profissional deseja fortalecer crenças ou desconstruí-las pela reflexão da validade dos pensamentos, criando uma dissonância cognitiva ao ativar uma crença mais realista e que provavelmente entrará em conflito com a crença disfuncional. Essa tensão psíquica criada é favorável, pois insere um elemento que tornará a crença prejudicial em algo incompatível com outra mais adaptativa.

Devido aos bons resultados que vêm sendo demonstrados, a psicoterapia tem sido indicada para uma variedade de transtornos e conflitos psicológicos. Estão entre eles os transtornos ansiosos (transtorno de ansiedade generalizada, transtorno do pânico, transtorno obsessivo compulsivo, fobias específicas, fobia social, transtorno do estresse pós-traumático), a depressão, os transtornos alimentares (bulimia, anorexia), problemas somáticos (stress, hipocondria, etc), disfunções sexuais, problemas de relacionamento (como dificuldades conjugais), ciúmes mórbido ou patológico, tabagismo, entre outros…

Em alguns casos, a Psicoterapia cumpre também uma função de educação para a vida, oferecendo um espaço de aprendizado, com instrumentos e conhecimentos que podem ajudar na orientação e condução da vida. Esta função torna-se fundamental em situações de desestruturação decorrente de crises ou casos de imaturidade psicológica, quando a pessoa se sente verdadeiramente inapta para lidar com os enfrentamentos e dificuldades em sua vida.

 “Quem Olha para Fora Sonha… 

  quem Olha para Dentro Desperta!” (Jung)

                                  

                                                             

Pense em Si…

Olhe para Si

Mude por Si

Aconchegue-se…

Ame-se…

Ajude-se…

Ouça-se…

  

  Tenha Tempo para Si!

Um grande abraço a todos e até a próxima semana

 Therezinha Silveira

Anúncios